Pré-candidatura de Ronaldo da Madeireira pela Oposição preocupa lideranças políticas local

Por Paulo Sergio 13/08/2019 - 09:24 hs

Seja pela instabilidade política do atual governo municipal lavrense ou pelo seu tempo de mandato (quase três anos), o fato é que, lideranças políticas já articulam as pré-candidaturas para a sucessão do atual prefeito que, embora ainda não admita, vai buscar a reeleição.


Com os problemas judiciais de alguns pretensos candidatos, aparentemente fora de cena, outros buscando retorno, outros nomes se anunciam como postulantes à cadeira de prefeito: o próprio Ildsser Alencar (MDB), Reinhard Dias (PSDB), Carlinhos Gomes (PR), Tavinho (PDT), e Ronaldo da Madeireira (PSB).

Ter muitos postulantes é importante para a democracia. Há um novo momento na política e um espaço aberto que precisa ser preenchido.


Mas, o que vem de fato tirando o "sono" de alguns políticos em Lavras da Mangabeira, de maneira particular, os que buscam ser protagonistas na sucessão municipal lavrense, é o galopar do nome de Ronaldo da Madeireira junto a população lavrense. Seu nome tem crescido, dado, ao um trabalho de "formiguinha" que o líder político tem feito.


Diferente dos demais pré-candidatos, Ronaldo da Madeireira nunca foi candidato político ao executivo, isso, o respalda, a uma rejeição quase imperceptível.


"O nome de Ronaldo cresce, porque não se tem o que dizer dele. Não se pode falar que ele é desonesto, que é corrupto, que é péssimo político, porque nunca exerceu nenhum cargo público", disse o Vereador Flávio Torquato.

"Acredito que passamos da hora de termos na gestão pública, um prefeito que administre o município, olhando para frente e buscando deixar de lado as picuinhas políticas tão peculiar no meio. Chega de prefeitos "políticos". Nossa Lavras não aguentam mais, nosso povo precisa de emprego, de dignidade e Ronaldo ao meu ver é o único que pode buscar isso, porque não é um político "encaretado". É o único que tem projeto para o desenvolvimento do município e isso será apresentado ao povo no momento oportuno", finaliza Torquato.


"No início não considerei (uma pré-candidatura), mas um bom número de amigos me procurando com conversa nesse sentido me fez cogitar a possibilidade. Nesse momento, passei a ouvir e conversar com as pessoas interessadas num governo de resultados positivos para a população, e decidimos lançar nossa pré-candidatura a sucessão municipal em Lavras em 2020", disse Ronaldo da Madeireira.

O político tem cobrado da Prefeitura mais responsabilidade no atendimento a população.